facebook twitter youtube instagram telegram whatsapp linkedin
Portal CBN
Quarta, 20 de outubro de 2021, 16:15:21

Mucuri já é a mais moderna e segura cidade do extremo sul com iluminação de LED

Mucuri é o primeiro município do extremo sul baiano a entrar na tecnologia da luminância das cidades inteligentes e a ter todas as lâmpadas comuns substituídas por LED na iluminação pública de todos os seus aglomerados urbanos
WhatsApp Telegram Facebook Twitter Linkedin
Extremo Sul Da Bahia - Mucuri

Mucuri é o primeiro município do extremo sul baiano a entrar na tecnologia da luminância das cidades inteligentes e a ter todas as lâmpadas comuns substituídas por LED na iluminação pública de todos os seus aglomerados urbanos. A Prefeitura de Mucuri tem promovido a troca de todo o sistema de iluminação pública da cidade, passando a utilizar lâmpadas de LED, que iluminam melhor, são mais econômicas e menos poluentes. Ruas e avenidas da cidade, dos distritos e povoados já estão com novas luminárias e, localidades rurais que nunca antes tiveram iluminação pública tem ganhado postes e luminárias pela primeira vez.

O projeto integra o Programa de Eficiência Energética da Energia e da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Com a implantação do serviço de substituição das lâmpadas convencionais pelas lâmpadas de LED, o município de Mucuri prevê que haja 55,53% de economia no consumo de energia na iluminação pública até a conclusão do trabalho previsto para terminar até junho.

O projeto é pioneiro em alguns municípios brasileiros por ser eficiente na economia, por proporcionar embelezamento, valorização econômica, segurança pública e é ambientalmente correto. A intenção do projeto foi justamente diminuir os gastos com energia e os índices de desperdício registrados. O projeto pensado e implantado pelo prefeito Roberto Carlos Figueiredo Costa “Robertinho” (UB), visou exatamente oferecer opções de economia ao município e viabilizar o consumo sustentável.

O projeto está beneficiando todos os aglomerados urbanos do município: Mucuri/sede, os seus 3 distritos: Itabatã, Taquarinha e Ibiranhém. Seus 9 povoados: Belo Cruzeiro, São Jorge, 31 de Março “Divisa”, Cruzelândia, Nova Brasília, Oliveira Costa, Campo Formoso e os balneários de Costa Dourada e Praia Dois, além de 4 povoamentos surgidos de assentamentos agrários: Paulo Freire, Jequitibá, Lagoa Bonita e Zumbi dos Palmares “Fazenda Esperança”. As lâmpadas que serão retiradas, inclusive as de LED já utilizadas em alguns pontos, serão reaproveitadas em assentamentos agrários, zonas rurais e nas suas 54 comunidades rurais e onde ainda se tem a necessidade de instalação de iluminação pública.

A proposta do novo sistema de iluminação de lâmpada de LED no município de Mucuri para a otimização dos sistemas de iluminação pública, proporcionará uma redução significativa do consumo energético total. Quando o projeto começou a ser instalado em janeiro de 2022, o município de Mucuri pagava R$ 182.237,03 de energia por mês a COELBA. Com o novo projeto de LED, os cálculos indicam que a partir de julho, o município passe a pagar por mês o valor equivalente a R$ 81.044,52 – gerando uma economia de R$ 110.393,28 por mês, o que que significa uma economia de 55,53% e representa uma economia anual de R$ 1.324.719,36.

O município de Mucuri, contava em seu sistema de iluminação pública, com 6.783 lâmpadas, sendo distribuídas entre: fluorescente, halógena, vapor de mercúrio, mista, multivapor metálico, vapor de sódio e led, em regiões impulsionadas por 349 transformadores. O novo projeto proposto para Mucuri, com eficiência energética, o consumo de energia e potência total do sistema, estão sendo mostrados os efeitos de um Retrofit em um sistema de iluminação, considerando também a troca dos aparelhamentos de uma tecnologia antiga por equipamentos mais eficientes e modernos, sem a necessidade de mudanças estruturais ou no projeto elétrico, consistindo ainda na troca de lâmpadas, luminárias e reatores por utensílios com melhor eficiência energética, mas sem redução dos níveis de iluminação do ambiente.

“A intenção do município de Mucuri, foi optar pela substituição das lâmpadas, onde já estamos utilizando lâmpadas de led de 20W, 30W, 60W, 80W, 90W, 100W e 180W, onde apresenta-se a comparação de vida útil das luminárias existentes e do sistema proposto, tendo em vista a economia de energia e a elevada vida útil das lâmpadas de Led comparadas as lâmpadas que existiam. Diferente da manutenção em luminárias do tipo LED, a manutenção em luminárias convencionais compostas por vapor de sódio e outros metais, é trabalhoso e perigoso, isso porque as lâmpadas quando acidentalmente quebradas, os metais existentes na mesma podem entrar em contato com a pele, podendo assim provocar graves enfermidades. E além disso, o gasto financeiro com a manutenção em luminárias do tipo led, é consideravelmente menor comparadas aos demais tipos de luminárias”, pontuou o secretário Municipal de Transporte, Limpeza e Iluminação Pública, Pedro Lago “Pedrão”.

Conforme o estudo apresentado pelo município, as luminárias de LED têm vida útil de até 4.367 dias (12 anos), tendo grande diferença das demais, onde observa-se a pequena durabilidade das luminárias do tipo halógenas, onde as mesmas possuem vida útil de apenas 175 dias (6 meses). O estudo ainda demonstra que para cada 7 trocas de luminárias do tipo fluorescente, seria necessário trocar apenas 1 vez, caso a mesma fosse do tipo LED. Comparando com as luminárias do tipo halógena, vemos que 1 troca de luminária do tipo LED, equivale a 25 trocas de luminárias do tipo halógena. As luminárias do tipo vapor de sódio e vapor de mercúrio, mostra que para cada 1 troca feita nas luminárias de LED, equivale a 2 trocas nas luminárias dos tipos vapor de mercúrio e vapor de sódio.

“O projeto foi uma vontade da gestão municipal e já demonstra a sua importância e necessidade de um sistema eficiente, no qual corrobora exponencialmente para com a vida pública e respectivamente para a sociedade, conforme nos solicitou o prefeito Robertinho. O projeto tem caráter fundamental no convívio dos seres humanos, pois atua na segurança pública, prevenindo a criminalidade e também permite desfrutar o espaço público, onde facilita circulação de pedestres e automóveis, embeleza áreas urbanas, entre outras vantagens. Neste compêndio de estudos básicos, buscou-se analisar o sistema de iluminação presente em Mucuri, que é uma cidade turística e seus demais distritos e povoados, a fim de garantir confiabilidade junto a melhoria nos quesitos de economia de energia, melhoramento da luminância, modernização e manutenção”, explicou o engenheiro civil Victor Augusto, secretário Municipal de Obras de Mucuri, precursor e criador do projeto.

PORTAL CBN | ASCOM